Home | Richie Sambora | Discografia | Videografia | Letras/Traduções/Cifras | Vídeos | Fotos | Equipamentos | Guitarras
Quem fez esse site | Colaboradores | Forum | Contatos

Chuva de Harlem

O senhor lá na esquina
Está dominado por seu sofrimento
Posso ver o sofrimento em seus olhos
Sua lágrimas deixam uma mancha
As ruas o arruinaram
Ele está na reta final
Foi uma estrada longa e difícil
Desde seus dias de glória

Há uma tatuagem de sua namorada
Desbotando em seu braço
Ela fala sobre uma tragédia dolorosa
De como ele perdeu seu amuleto da sorte
Sua memória está enevoada
Por causa do trovão em suas veias
Ele está desaparecendo, sumindo
Na chuva de Harlem

A chuva de Harlem caindo
Mais uma alma despedaçada
Nos achados e perdidos
Mais uma noite
Na rua do sofrimento
E está sendo lavada pela chuva de Harlem

Na avenida do desespero
O diabo cobra pedágio
Onde os traficantes e a miséria
Vagarosamente clamam por sua alma
Quando estiver convicto
De que não consegue se libertar das correntes
Você vai desaparecer, sumir
Na chuva de Harlem

A chuva de Harlem caindo
Mais uma alma despedaçada
Nos achados e perdidos
Mais uma noite
Na rua do sofrimento
E está sendo lavada pela chuva de Harlem

Na sua procura pelo tenro perdão
Ninguém parecia importar-se
A fé que costumava ser sua muleta
Agora é sua cruz a carregar
Você se perdeu há tanto tempo atrás
E não sabe a quem culpar
Você está desaparecendo, sumindo
Desaparecendo, sumindo
Desaparecendo, sumindo
Na chuva de Harlem

<< VOLTAR

Layout e Administração: Carlos Cassim | Programação e Hospedagem: K6 DESIGN